//Lobby dos Supersalários

Lobby dos Supersalários

Não faz muito tempo, o Faz Diferença divulgou um estudo sobre como grupos privilegiados (elite econômica) têm muito mais capacidade de influência sobre políticas públicas do que os cidadãos comuns ou mesmo grupos organizados em prol do bem comum [1]. Ontem vimos um exemplo claro de como isso ocorre na prática: em meio a um período de enormes dificuldades econômicas, descontrole das contas públicas e crescimento das desigualdades, os grupos organizados dos juízes conseguiram pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF) a aumentar os salários de seus ministros, o que é limite para todo o funcionalismo público.

O aumento foi de 16,38%, o que significa que os salários de R$ 33,7 mil passaram para R$ 39,3 mil. Em termos relativos, o salário passou de 35 salários mínimos para 41. Isso ocorreu por causa do lobby feito por associações de juízes. Tudo ocorreu de modo aberto, inclusive com reuniões com membros do STF [2].

Esse fato escancara duas grandes desigualdades: a desigualdade de renda, já que os principais beneficiados pelos aumentos já fazem parte do 1% mais rico da população [3] e a desigualdade no acesso ao poder. Quem possui privilégios tem mais acesso ao poder e pode garantir não somente a manutenção desses privilégios, mas também um aumento deles, enquanto a maior parte da população sofre as consequências de serviços públicos subfinanciados. Isso ocorre especialmente porque os impactos não se restringem ao STF. Há um efeito cascata de aumentos de salários e a previsão é que isso gere um gasto de R$ 4 bilhões de reais que poderia ser utilizado em outras áreas.

Esse tipo ação faz com que o Estado seja concentrador de renda, porque transfere dinheiro para uma parcela ínfima e já privilegiada da população. As desigualdades só serão enfrentadas quando o Estado servir como desmobilizador de privilégios, garantindo que o bem público, equitativo, seja seu principal objetivo.

[1] https://www.facebook.com/faz.diferenca.br/photos/a.633682643498440.1073741826.612166458983392/896095963923772/?type=3&permPage=1

[2] https://painel.blogfolha.uol.com.br/2018/08/09/associacao-de-juizes-detalha-lobby-por-aumento-e-avisa-que-novo-foco-e-o-congresso/

[3] http://fazdiferenca.com/faz-diferenca-saber-quao-privilegiado-voce-e/

Veja também: http://fazdiferenca.com/necessidade-ou-privilegio-o-auxilio-moradia/

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/08/aumento-para-ministros-do-stf-teria-impacto-de-r-4-bi-diz-calculo-do-congresso.shtml